Retenção de líquidos: como diminuí-la e ter melhores resultados?

Tempo de leitura: 6 minutos

Devido a questões hormonais, a retenção de líquidos é um problema que afeta principalmente as mulheres. Ela não só aumenta o peso visualizado na balança, como também pode provocar desconforto e inchaço. Ela pode ser causada por diversos fatores que incluem os hábitos alimentares — consumo de refrigerante e alimentos industrializados —, falta de atividade física e, até mesmo, problemas hormonais.

Quer saber como evitar o acúmulo de líquidos no organismo e ficar ainda mais bonita? Confira as dicas a seguir! 

Entenda o que é a retenção de líquidos

O excesso de calor é um dos grandes vilões de quem pretende “desinchar”, já que ele contribui para o acúmulo de líquidos entre as células dos tecidos. Consequentemente, ocorre o surgimento de edemas, principalmente nas mulheres. A retenção de líquidos costuma atingir algumas regiões específicas do corpo, como pernas, barriga, tornozelo e mãos.

Conheça os principais sintomas

Os principais sintomas da retenção de líquidos são o inchaço e o surgimento de dores em determinadas regiões do corpo. Algumas vezes, também pode ocorrer desconforto intestinal, irritabilidade e ressecamento da pele. Por isso, é fundamental ficar atenta aos sinais e cuidar dos seus hábitos. 

O problema também afeta a autoestima de muitas pessoas, principalmente mulheres, pois provoca uma considerável elevação no peso. É comum a identificação de um aumento de 1 a 3 quilos, principalmente em períodos pré-menstruais. Contudo, esse acréscimo não indica mais acúmulo de gordura, trata-se apenas do peso oriundo dos líquidos que não são liberados pelo corpo.

Então, como saber se você tem retenção de líquidos? Uma estratégia simples é verificar como ficam seus pés após a retirada das meias e sapatos. Se você fica com a marca do elástico ou dos detalhes da meia, é sinal de que você está acumulando líquidos em seu corpo.

Mas, afinal, quais são as principais causas da retenção de líquidos? Confira:

  • excesso de calor;
  • falta de movimentação ao longo do dia;
  • menstruação;
  • uso de anticoncepcionais;
  • estresse.

Para evitar os sintomas, é recomendável que a pessoa alterne seus movimentos durante o dia, fazendo pequenas caminhadas e sentando de vez em quando. 

Saiba como diminuir a retenção de líquidos e aliviar seus sintomas

Se para você o inchaço é um problema que costuma provocar dores e desconforto, saiba que existem algumas medidas simples para diminuir o acúmulo de líquidos no corpo. Acompanhe!

Pratique atividade física

O exercício físico promove benefícios para o corpo e a mente. Não importa qual atividade você fará: seja uma caminhada, corrida, natação ou um passeio de bicicleta. O importante é se mexer para evitar o sedentarismo e aumentar a circulação sanguínea, contribuindo para a oxigenação das células do corpo e para o bom funcionamento do organismo.

Reduza o consumo de sal

Os alimentos industrializados podem até facilitar a rotina, mas são grandes vilões para quem pretende reduzir o inchaço. Isso porque eles têm uma grande quantidade de sódio — o que facilita a retenção de líquidos. Sendo assim, evite alimentos enlatados e embutidos, como peito de peru, salsicha e salame.

Procure reduzir também o uso de temperos industrializados (como o caldo de galinha), carboidratos simples (como pão branco e macarrão) e o consumo de bebidas alcoólicas e refrigerantes.

Troque tudo isso por alimentos mais naturais, como frutas, verduras, legumes e temperos frescos (salsinha, cebolinha, alecrim e pimenta, por exemplo). Alguns alimentos são diuréticos e podem auxiliar na redução do acúmulo de líquidos. São eles:

  • melancia;
  • vinagre de maçã;
  • laranja;
  • mirtilo;
  • abacaxi;
  • melão.

Aumente a ingestão de líquidos

Assim como as frutas contribuem para diminuir o inchaço, a ingestão de água e outras bebidas naturais também ajudam a reduzir o acúmulo de líquidos. Isso porque os rins passam a funcionar melhor e você consegue ir mais vezes ao banheiro para eliminar as toxinas.

Portanto, procure consumir pelo menos 2 litros de água por dia. Caso você não tenha esse hábito, aromatize a água com gengibre, canela e hortelã para auxiliá-la a aumentar o consumo. Além disso, você também pode conciliar a ingestão de água com chás ou sucos naturais utilizando ingredientes como abacaxi, água de coco, hortelã, limão, chá-verde, entre outros.

Incorpore as sementes na sua alimentação

Um nutriente que auxilia a eliminar o excesso de líquidos é o magnésio, que também colabora na prevenção de doenças cardíacas e aumento de insulina no corpo. Ele pode ser encontrado principalmente em algumas sementes, como girassol e linhaça, além do farelo de trigo ou de aveia.

Procure tratamentos complementares

Para muitas pessoas, mesmo com uma alimentação equilibrada e a prática de exercícios físicos, ainda ocorre a retenção de líquidos. Nesses casos, o recomendável é procurar tratamentos complementares para reduzir o inchaço. Confira algumas opções!

Drenagem linfática

Consiste em uma massagem suave para facilitar o bombeamento e a desobstrução dos canais linfáticos. Ela também auxilia na circulação sanguínea e redução da celulite. Quando conciliada com hábitos saudáveis, pode ajudar a reduzir medidas e eliminar as toxinas do corpo.

Heccus

Esse tratamento é feito com um aparelho que combina terapia com ultrassom e correntes de média frequência. Ele ajuda a reduzir a celulite ao quebrar as células de gordura localizada, além de melhorar a circulação sanguínea. Dessa maneira, também estimula o sistema linfático e a eliminação de líquidos. As sessões costumam durar cerca de 20 minutos e não provocam efeitos colaterais.

Cellutec

Essa é outra técnica que contribui para a redução de celulite e retenção de líquidos. Ela melhora o contorno da pele e ajuda a aumentar a autoestima. O procedimento funciona por meio da vibração dos tecidos profundos, o que aumenta a circulação sanguínea.

Endermologia a vácuo

Esse procedimento utiliza uma técnica de sucção para promover uma massagem profunda, melhorando a circulação e diminuindo a retenção de líquidos. 

Vale lembrar que todo tratamento estético tem melhores resultados quando é acompanhado por uma alimentação saudável e prática de atividades físicas.

Para saber qual é o procedimento mais indicado para você, procure um profissional de confiança e solicite uma avaliação.

Agora que você já sabe como evitar a retenção de líquidos, o que acha de conferir as dicas para acabar com a celulite e ficar ainda mais bonita?

Sobre Clinica Eva

Clinica Eva

A Clínica EVA valoriza o cliente, prestando atendimento sempre de forma ética e transparente, identificando as suas reais necessidades e proporcionando a melhor experiência em alcançar beleza e bem estar. Trabalhamos com o que existe de melhor para tratamentos corporais, faciais e depilação a laser, com profissionais preparados e qualificados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *