Desvendamos 7 mitos sobre a depilação a laser feminina: confira!

Tempo de leitura: 5 minutos

Já se foi o tempo em que a aversão aos pelos corporais era uma característica compartilhada apenas por algumas mulheres no verão. Atualmente, até mesmo os homens também anseiam por uma pele lisinha para aumentar a autoestima e mostrar o corpo em qualquer época do ano. 

Diante dessa nova realidade, a tecnologia se encarregou de facilitar a batalha contra os processos de remoção de pelos dolorosos e frequentes por meio da depilação a laser. Esse procedimento costuma ser recomendado por muitos profissionais para pacientes que desejam praticidade e resultados duradouros na hora de retirar os indesejados pelinhos de qualquer parte do corpo. 

Neste post, você vai conhecer algumas verdades e mitos da depilação a laser, para tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto. Acompanhe!

1. A depilação a laser é definitiva

Meia verdade. Atualmente, não existe nenhum método de depilação que seja capaz de eliminar 100% dos pelos de forma definitiva.

No entanto, a depilação a laser é um tratamento capaz de proporcionar os resultados que mais se aproximam da remoção total e duradoura dos folículos pilosos (responsáveis pela formação de cada pelo). Por isso, esse procedimento muitas vezes é classificado como “definitivo” pela maioria dos dermatologistas. 

Algumas pessoas que se submetem a esse tratamento podem esperar uma redução de até 90% do volume de pelos na pele. Porém, isso vai depender de diversos fatores incluídos no processo, como número de sessões, gênero e cor da pele, entre outros.

2. Toda depilação a laser dói

Mito. Isso não é verdade por dois motivos: o primeiro é que a dor é um sentimento individual e relativo. Diversas pessoas afirmam que o processo é doloroso e, por isso, fazem uso de cremes anestésicos, enquanto outras não sentem nada além de um breve desconforto. Além disso, algumas partes do corpo também podem ser mais sensíveis à dor do que outras.

O segundo motivo está no avanço das técnicas de depilação a laser. Antigamente, a maior parte dos aparelhos disponíveis no mercado provocavam um incômodo de maior intensidade no momento da aplicação. Mas, com a evolução de diversos equipamentos, a depilação a laser pode ser praticamente indolor.

3. Partes do corpo tatuadas não podem ser depiladas

Verdade. As partes do corpo que possuem tatuagens não podem passar pelo laser, pois o pulso da luz é capaz de danificar, e até mesmo deformar, o desenho na pele. Geralmente, as pessoas que passam pelo procedimento costumam usar outros métodos de depilação em casa quando a área tatuada é muito grande.

No entanto, isso não significa que você terá de se conformar com um resultado incompleto ao finalizar a depilação. Hoje em dia, os profissionais dessa área são treinados para realizar a remoção dos pelos de forma rente ao contorno das tatuagens, sem promover prejuízos estéticos para a sua arte. 

4. A depilação a laser pode causar manchas na pele

Meia verdade. Um dos maiores mitos sobre a depilação a laser é que o tratamento é muito agressivo e pode causar queimaduras, sensibilidade permanente, inflamações ou manchas na pele.

A verdade é que, realmente, o procedimento não possui indicação livre para que qualquer pessoa o realize sem orientações ou nenhum cuidado. Mas está longe de ser considerado um perigo se você estiver nas mãos de bons profissionais.

Quando a depilação é realizada da maneira correta, você só terá manchas na pele caso se exponha à luz solar intensa durante muito tempo. Nesse caso, o profissional responsável pelo procedimento lhe informará sobre os devidos cuidados para que você não precise lidar com nenhum efeito indesejado no futuro.

5. Retoques são necessários

Meia verdade. Até o fim do tratamento, estima-se que pelo menos 70% dos pelos estarão eliminados (isso pode variar de pessoa para pessoa), e o restante nascerá com uma espessura muito fina, semelhante aos pelinhos que temos no buço.

Com o passar do tempo (de 2 a 5 anos após o término das sessões de depilação) e levando em conta os métodos de remoção dos pelos restantes que você adotou, pode ser que a aparência da área que foi depilada ainda lhe incomode. Se esse for o caso, é preciso fazer pelo menos uma sessão extra de retoque a cada ano.

6. Basta somente uma sessão para começar a ver efeito do laser 

Meia verdade. Em geral, é bem difícil enxergar uma grande diferença logo após a primeira sessão, mas isso varia de pessoa para pessoa. Quem possui a pele muito branca, marcada por pelos grossos e bastante escuros, provavelmente notará mais efeito do que uma mulher de pele morena e pelinhos finos.

Além disso, algumas pessoas que possuem melasma (tipo de mancha escurecida) nas axilas ou virilhas podem perceber um ligeiro clareamento das manchas logo a partir da primeira sessão. Tudo vai depender do tipo físico da cliente, o modelo do aparelho usado e sua potência.

7. A depilação a laser só pode ser feita no inverno

Mito. Embora muitos dermatologistas recomendem que a melhor hora para realizar procedimentos com laser seja no inverno (para evitar a exposição excessiva ao sol), isso já deixou de ser uma regra. Hoje em dia, é possível até tomar banhos de sol no intervalo entre uma sessão e outra.

No entanto, ainda é preciso evitar o bronzeamento até 30 dias antes de um novo procedimento. Também deve-se tomar cuidado com os dias quentes, logo antes e depois de passar pelo laser, e sempre passar o protetor solar

O seu dermatologista ou profissional que realizará a depilação a laser deverá lhe indicar um bloqueador solar adequado e fornecer orientações sobre os banhos de sol ou situações em que a ida à praia e piscina estão liberadas.

 

Agora que você conhece todos os principais mitos sobre a depilação a laser, aproveite para ler mais um artigo sobre os tipos de depilação disponíveis no mercado e escolher qual deles é melhor para você!

Sobre Clinica Eva

Clinica Eva

A Clínica EVA valoriza o cliente, prestando atendimento sempre de forma ética e transparente, identificando as suas reais necessidades e proporcionando a melhor experiência em alcançar beleza e bem estar. Trabalhamos com o que existe de melhor para tratamentos corporais, faciais e depilação a laser, com profissionais preparados e qualificados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *