Descubra como evitar manchas na pele!

Tempo de leitura: 6 minutos

Uma pele sem imperfeições e livre de manchas é o sonho de toda mulher. No entanto, não é tão fácil assim. Com o passar dos anos, com o excesso de exposição ao sol e a alimentação muitas vezes inadequada, o surgimento de marcas na pele é mais do que comum.

Para evitar que elas apareçam, é necessário tomar alguns cuidados extras. Neste artigo, você vai, além de conhecer os tipos de manchas, conferir algumas dicas para evitar o seu aparecimento.

Ficou curiosa? Então, não deixe de ler!

Tipos de manchas na pele

Conhecer os tipos de manchas que podem surgir é importante porque, ao tomarmos conhecimento de suas causas, aumentamos as chances de preveni-las.

Abaixo, relacionamos as mais comuns.

Sardas

Causadas geralmente por predisposição genética, as sardas são comuns em pessoas com o tom de pele mais claro. Porém, elas aparecem como consequência da exposição excessiva ao sol, principalmente nos ombros, colo, costas e face.

Melasmas e cloasmas

Trata-se de manchas escuras e irregulares na pele, muito parecidas com as sardas. Mas, nesse caso, elas têm tons variados de castanho e normalmente surgem no rosto.

Podem surgir por predisposição genética, mas é comum sua manifestação após a gravidez, devido às alterações hormonais comuns durante este período. São causadas, ainda, pela exposição ao sol sem proteção, bronzeamento artificial e uso de anticoncepcionais.

Manchas senis

A falta de cuidados com a pele ao longo da vida causa manchas nas mãos, pescoço e braços das pessoas mais velhas. Elas são chamadas de senis. Têm tonalidade marrom e formato arredondado, podendo ser de todos os tamanhos.

Manchas de nascença

Por serem manchas herdadas geneticamente e totalmente inofensivas, não há prevenção para o seu aparecimento. São muito comuns em recém-nascidos, sendo que algumas desaparecem com o passar do tempo enquanto outras permanecem por toda a vida.

Dermatite de contato

Essas manchas são ocasionadas devido a alergia a algum alimento ou produto. Elas são de cor marrom e podem ter tamanhos e formatos variados. Por ser uma reação inflamatória, a melhor forma de prevenir é evitar o contato com os componentes causadores da alergia, que podem ser sabonetes, cosméticos, detergentes, bijuterias, alimentos e até mesmo plantas.

Pintas

Também conhecidas como nevos melanocíticos, as pintas costumam surgir nos primeiros anos de vida. Elas são tumores benignos formados por melanócitos, que são as células responsáveis pela produção de melanina.

Caso elas mudem de cor, tamanho, forma, apresentem bordas irregulares ou sejam assimétricas, procure um médico.

Leucodermia solar

A exposição excessiva aos raios solares também é responsável pelo aparecimento de sardas brancas nos braços e pernas. A melhor forma de evitar é o uso de protetor solar ao longo da vida, principalmente no verão.

Fitofotodermatite

O contato com frutas cítricas, como limão, laranja, caju, figo e outras, pode provocar o aparecimento de marcas marrons de fundo avermelhado.

As substâncias fotossensibilizantes, quando entram em contato com os raios solares, provocam uma reação que causa manchas e até mesmo bolhas.

Como evitar e remover manchas na pele

Agora que você conhece os tipos mais comuns de manchas de pele, saiba quais as principais dicas para evitá-las:

Hidrate a pele

A importância da hidratação da pele vai além da prevenção de manchas. Uma pele bonita e saudável precisa estar hidratada, do contrário fica suscetível a ressecamento e envelhecimento mais rápido. A hidratação também ajuda a evitar a entrada de pequenos microrganismos que podem trazer males à saúde.

Ela fortalece e renova as células e mantém a barreira cutânea íntegra. Isso quer dizer que a descamação e a opacidade desaparecem, mantendo o tom natural da pele por mais tempo. Outro benefício é a manutenção da sua elasticidade natural.

Para acertar na hidratação, beba muita água e faça uso de um bom creme. Dessa forma, sua pele se tornará mais forte e resistente aos agentes do ambiente, como os raios solares e a poluição.

Lembre-se do protetor solar

O protetor solar é uma peça fundamental na prevenção de manchas de pele. Ele forma uma barreira de proteção contra os danos do sol, além de prevenir o envelhecimento precoce e proteger contra a radiação UV e UVB.

Use o protetor adequado para a sua pele, de preferência com fator acima de 30. Ele não deve ser usado apenas em praias e piscinas, mas no dia a dia também, quando é maior o desgaste das células devido à radiação solar.

O bloqueador solar também é um ótimo aliado, pois ele evita que o protetor seja eliminado pela exposição à água e pelo suor, garantindo mais tempo de proteção.

Tenha uma alimentação balanceada

Se você quer evitar manchas ou está em tratamento, manter uma alimentação balanceada, rica em vitaminas e antioxidantes, é fundamental.

Uma dieta rica em açúcar, por exemplo, favorece o envelhecimento e a flacidez. Já um cardápio rico em vitaminas, especialmente a vitamina A e seus derivados, protege as células da oxidação e dos raios ultravioletas.

O limão, por exemplo, é ótimo para reduzir a hiperpigmentação, devido a suas propriedades bloqueadoras. Por isso, é eficaz contra manchas causadas pela idade, pois clareia a pele.

Use cremes clareadores

Geralmente, esses cosméticos funcionam como coadjuvantes, pois, sozinhos, não são capazes de remover completamente as manchas.

Mas sua função clareadora é de grande utilidade e, dependendo do tipo de pele, pode ter resultados satisfatórios. E, lembre-se, de que esses produtos não devem ser utilizados sem a orientação de um profissional.

Experimente o peeling

Fazer um peeling pode ser uma ótima ideia para se livrar das manchas. O objetivo desse procedimento é retirar as células mortas e envelhecidas da pele pela sua descamação. Sem contar que é seguro e dá resultados.

Além de ser eficaz, esse tratamento também remove cicatrizes de acne, retira a oleosidade excessiva e estimula a produção de colágeno.

Segundo a dermatologista Irene Rocha, o peeling é uma maneira simples e eficaz de limpar a pele, além dos seus outros benefícios: remover células mortas, hidratar, suavizar rugas, dar firmeza e remover algumas marcas.

Gostou deste conteúdo? Se você ficou com alguma dúvida sobre prevenção e tratamento de manchas na pele, conte para a gente nos comentários!

 

Sobre Clinica Eva

Clinica Eva

A Clínica EVA valoriza o cliente, prestando atendimento sempre de forma ética e transparente, identificando as suas reais necessidades e proporcionando a melhor experiência em alcançar beleza e bem estar. Trabalhamos com o que existe de melhor para tratamentos corporais, faciais e depilação a laser, com profissionais preparados e qualificados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *