Como eliminar o culote? Saiba todos os detalhes!

Tempo de leitura: 6 minutos

Sabe aquela gordurinha insistente da parte externa das coxas que aumenta o quadril? É o famoso e temido culote. Geralmente ele aparece em pessoas com coxas grossas e cintura fina — corpo típico da mulher brasileira — e atrapalha tanto a autoestima que muita gente faz de tudo para saber qual é o segredo para eliminá-lo.

Mas o problema tem solução? A resposta é sim! Neste post vamos mostrar alguns dos principais tratamentos estéticos disponíveis para eliminar os culotes sem sofrimento. Confira!

Conhecendo o inimigo

O culote nada mais é do que um acúmulo de gordura localizada na região externa das coxas, na altura do quadril. Ele pode aparecer até mesmo em mulheres magras, pois está relacionado ao biotipo, sendo muito comum em quem tem os quadris mais largos do que os ombros e a cintura fina — o famoso corpo em formato de pera.

Além da genética, outro fator que contribui para o aparecimento do culote é a questão hormonal. Isso porque as células de gordura nessa região costumam ser mais sensíveis aos hormônios femininos. Por esse motivo, essa é uma queixa estética praticamente exclusiva das mulheres.

Resolvendo o problema

Há quem não se incomode com esse volume extra no quadril, mas quem busca uma solução para eliminar o culote pode comemorar: existem vários tratamentos estéticos que prometem excelentes resultados no combate à esse tipo de gordura localizada. Conheça alguns deles:

Cellutec

O Cellutec é um aparelho de endermologia que alia movimentos circulares precisos a ondas vibratórias, mobilizando e modelando as células de gordura sem causar desconforto ou dor. Ele possui cabeçotes específicos que conseguem realizar uma massagem multidirecional, atingindo as camadas mais profundas do tecido.

Entre os benefícios do Cellutec estão o aumento da circulação local e a diminuição dos depósitos de gordura. Além disso, ele também relaxa a musculatura e contribui para a drenagem linfática da região. Como resultado, tem-se mais firmeza e elasticidade na pele e acontece a redução da gordura localizada e a melhora do aspecto da celulite.

Para ter bons resultados, são indicadas de 2 a 3 sessões por semana. A quantidade total pode variar dependendo de cada pessoa e dos objetivos do tratamento. Por isso, antes de iniciar, é preciso passar por uma avaliação.

Cada sessão dura cerca de 30 minutos e não há efeitos colaterais. É possível voltar às atividades normais imediatamente após o tratamento com o Cellutec.

Carboxiterapia

A Carboxiterapia é um tratamento muito versátil, usado para vários objetivos — como o rejuvenescimento facial, a suavização de estrias e, é claro, a redução da gordura localizada. 

O processo é feito por meio da injeção de gás carbônico medicinal através da pele, utilizando uma pequena agulha. A profundidade atingida vai depender do objetivo do tratamento e, no caso do culote, a injeção será feita entre a pele e a gordura.

Uma vez dentro do organismo, o gás carbônico atua dilatando os vasos sanguíneos e estimulando uma nova vascularização. Dessa forma, tem-se um aumento da oxigenação na região tratada, melhorando todo seu aspecto.

Além disso, o gás tem a capacidade de romper as fibroses do tecido subcutâneo e favorecer a produção de novas fibras de colágeno e elastina. Mas é o efeito lipolítico que faz da Carboxiterapia um ótimo tratamento para eliminar culote: ela é capaz de atuar sobre os receptores das células de gordura, promovendo sua quebra.

A quantidade de sessões varia de pessoa para pessoa — uma vez que o metabolismo individual é muito importante para os resultados. A diferença já pode ser notada entre a 5ª e a 10ª sessão. Após o término do tratamento, é provável que seja necessário fazer uma manutenção em cerca de 8 meses.

Heccus

O Heccus é um aparelho que combina o ultrassom de alta potência com as correntes elétricas. As técnicas podem ser usadas separadamente, mas é sua combinação que garante resultados ainda mais expressivos na eliminação da gordura localizada.

Seu funcionamento se baseia na aplicação do ultrassom combinado às correntes de forma não invasiva. A área tratada é massageada com um cabeçote que desliza sobre a pele com a ajuda de um gel condutor. Seus impulsos elétricos e mecânicos são capazes de aumentar o metabolismo da região e quebrar as células de gordura, entre vários outros benefícios.

São indicadas em média entre 10 e 30 sessões, feitas em dias alternados. Já nas primeiras é possível perceber a redução de medidas no local, mas o resultado real só é conhecido ao final do protocolo de tratamento.

Vacuoterapia

A Vacuoterapia é um procedimento que promove uma sucção da pele por meio da pressão negativa (ou vácuo), massageando intensamente as camadas mais profundas. Esse tratamento é um dos queridinhos quando o assunto é gordura localizada.

A massagem promovida consegue remodelar a região tratada, além de estimular a circulação, eliminar a retenção de líquidos e favorecer a lipólise. Trata-se de um procedimento não invasivo e indolor, mas para que seja assim, é necessário que o profissional esteja capacitado para realizar a técnica. Caso contrário, é comum surgirem manchas roxas no local que foi tratado.

Para obter bons resultados, são indicadas no mínimo 10 sessões, feitas de 2 a 3 vezes por semana, dependendo das necessidades de cada caso. O tempo médio de cada sessão é de 30 minutos.

Criolipólise

A Criolipólise é um tratamento muito eficaz para eliminar culote e gordura localizada em geral. Ela utiliza o frio para acabar com os adipócitos por meio da apoptose — morte programada das células. E o melhor: é possível perder mais de 20% da gordura em apenas uma sessão.

Apesar de ser um procedimento não invasivo, a Criolipólise requer alguns cuidados na sua aplicação. Por isso, tanto a clínica quanto o profissional que vai realizar o tratamento, devem ser de confiança.

Alguns pontos a serem observados são a utilização de uma manta protetora sobre a pele antes de posicionar a manopla do equipamento e o massageamento do local após retirar o cabeçote no final do procedimento.

Como dito anteriormente, apenas uma sessão já gera excelentes resultados. O processo demora cerca de 45 minutos e o resultado final aparece, em média, após 2 meses. Por isso, programe-se com antecedência!

Tratando com segurança

Antes de fazer qualquer procedimento para eliminar o culote, é preciso sempre passar por uma avaliação prévia, feita por um profissional capacitado e em uma clínica de estética de confiança.

Isso porque cada tratamento possui uma lista de contraindicações. Além disso, apenas um especialista poderá dizer qual deles é melhor para cada caso. Assim os resultados virão muito mais rapidamente!

Como vimos, existem várias alternativas para eliminar o culote. Se você sofre com esse problema, entre em contato conosco para agendar sua avaliação agora mesmo!

Sobre Clinica Eva

Clinica Eva

A Clínica EVA valoriza o cliente, prestando atendimento sempre de forma ética e transparente, identificando as suas reais necessidades e proporcionando a melhor experiência em alcançar beleza e bem estar. Trabalhamos com o que existe de melhor para tratamentos corporais, faciais e depilação a laser, com profissionais preparados e qualificados.

1 comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *